AR
Facebook
Fanfarra Zabumbar
CLDS 3G-ADRO

Centro de Recursos para a Inclusão

Destinatários
Crianças e jovens com necessidades educativas especiais dos Agrupamentos de Escolas dos Concelhos de Águeda, Sever do Vouga, Albergaria-a-Velha, Oliveira do Bairro e Anadia, cujas idades se situem entre os 6 e os 18 anos, integrados no 1º, 2º e 3º ciclo e secundário.

Critérios de admissão
Compete aos órgãos de administração e gestão das escolas e ao CRI da CERCIAG efectuar o levantamento de necessidades.
A admissão é efectuada por homologação do Ministério de Educação através da elaboração de Planos de Acção anuais.
A área geográfica de atendimento abrange os agrupamentos de escolas dos Concelhos de Águeda, Sever do Vouga e Albergaria-a-Velha, num total de 8 Agrupamentos e 1 Escola Secundária.

Caracterização
O CRI é uma estrutura de apoio que visa contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos alunos com necessidades educativas especiais que frequentam a escola de ensino regular. Consiste na prestação de serviços, procurando sempre apoiar as necessidades educativas, através da facilitação do acesso ao ensino, à formação, ao trabalho, ao lazer à participação social e à vida autónoma, promovendo o máximo potencial de cada aluno, em parceria com as estruturas da comunidade.

A operacionalização do serviço é feita com a rentabilização dos recursos existentes na Instituição, e com a máxima participação activa dos parceiros envolvidos, no sentido de minimizar as necessidades sentidas e prestar o apoio necessário de acordo com as características individuais e necessidades específicas dos alunos, modificando atitudes discriminatórias e criando uma sociedade acolhedora e inclusiva, através da construção de uma escola o menos restritiva possível.

Áreas de desenvolvimento
Apoio à avaliação especializada das crianças e jovens com necessidades educativas especiais de carácter permanente;
Apoio à elaboração, implementação e acompanhamento de Programas Educativos Individuais, promovendo a funcionalidade, participação social e a vida autónoma;
Produção e disseminação de materiais de trabalho de apoio às práticas docentes;
Desenvolvimento de respostas educativas no âmbito da educação especial, entre outras, ensino do Braille, do treino visual, da orientação e mobilidade, terapias, acompanhamento psicológico e ensino da Língua Gestual Portuguesa;
Apoio à transição das crianças e jovens para a escola e para a vida pós-escolar, nomeadamente a transição para o emprego e/ou resposta social;
Consciencializar a comunidade educativa para a inclusão de crianças e jovens com deficiências e incapacidade;
Promover a orientação contínua dos docentes, auxiliares e famílias.

Legislação Aplicável

Decreto-Lei n.º 3/2008. D.R. n.º 4, Série I de 2008-01-07
Ministério da Educação
Define os apoios especializados a prestar na educação pré-escolar e nos ensinos básico e secundário dos sectores público, particular e cooperativo.

Equipa Técnica
2 Fisioterapeutas
4 Terapeutas da Fala
3 Psicólogos
1 Técnica de Acompanhamento ao PIT
2 Terapeutas Ocupacionais

Alunos Acompanhados: 300 Alunos

Contactos

Thomas Cravo
cerciag@cerciag.pt
Telefone: 234 61 20 20

Regulamento Interno CRI
Download pdf

Outros Recursos
Parceria entre a Escola e o CRI: Uma Estratégia para a Inclusão
O Fisioterapeuta em Contexto Escolar
O Terapeuta da Fala em Contexto Escolar
O Psicólogo do CRI em Contexto Escolar
O Terapeuta Ocupacional em Contexto Escolar

Excellence Mark