AR
Facebook
Fanfarra Zabumbar
CLDS 3G-ADRO

Notícias

Encontro de Técnicos de Acompanhamento

2015-11-13
A FORMEM – Federação Portuguesa de Centros de Formação Profissional e Emprego de Pessoas com Deficiência – dinamizou, em articulação com a CERCIAG - Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos com Incapacidades de Águeda, C.R.L., um encontro de Técnicos de Acompanhamento com o tema “Reflexão sobre estratégias para potenciar o emprego”, no dia 13 de Novembro de 2015 no auditório da CERCIAG - Agueda.
Este encontro teve a participação da Formem do Dr. Mário Pereira e da Dr.ª Ana Cruz e contou com a presença de 40 técnicos pertencentes a 15 Instituições, designadamente: Associação 2000 de Apoio ao Desenvolvimento - A2000 (Santa Marta de Penaguião); Associação de Solidariedade Social de Lafões – ASSOL (Oliveira de Frades); Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental – APPACDM de Coimbra; APPACDM de Viseu; Centro de Acção Social do Concelho de Ílhavo - CASCI (Ílhavo); Centro de Educação para o Cidadão com Deficiência - CECD Mira Sintra (Cacém); Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados do Concelho de Guimarães – CERCIGUI (Guimarães); CERCIMARANTE (Amarante), CERCIAV (Aveiro); CERCIMIRA (Mira), CERCIPOM (Pombal), CERCICAPER (Castanheira de Pera), CERCIFAF (Fafe) e CERCIAG – Águeda.
O encontro, impulsionado pela FORMEM, prendeu-se com as diferentes estratégias que asseguram a articulação entre a formação base e a formação prática em contexto de trabalho, como também a compatibilidade do formando com o local de estágio, processo de aprendizagem e de que forma os TAFE podem potenciar a contratação do formando.
A presença de inúmeros técnicos das diferentes Instituições permitiu a partilha de práticas relativas ao acompanhamento e que tipo de estratégias adoptar no que concerne à formação pratica em contexto de trabalho, relacionamento com as entidades empregadoras e elementos que estão directamente em contacto com o formando, assim como o papel do TAFE na integração no mercado de trabalho. A discussão teve por base 4 questões propostas no sentido de conhecer as várias realidades de trabalho e de perspectivar uma melhoria contínua das diferentes formas de actuação.












Excellence Mark